Tel.: (11) 5081.4936 / 5082.3913 - WhatsApp: (11) 94086.1112
Av. Conselheiro Rodrigues Alves, 270
(próx. ao metrô Ana Rosa)
Vila Mariana - CEP: 04014-000 - São Paulo - SP

Duas Vacinas Contra a Gripe me Protegem Melhor que Uma?

Fonte: Richard Klasco - The N. Y. Times

Doses de reforço podem tornar a vacina contra a gripe mais eficaz, mas o benefício é limitado a alguns grupos específicos

P: Duas vacinas contra a gripe me protegem melhor que uma?

R: As doses de reforço podem tornar a vacina contra a gripe mais eficaz, mas o benefício é limitado a alguns grupos específicos.

As crianças são um grupo que pode se beneficiar do recebimento de duas doses da vacina contra influenza durante a mesma temporada de gripe. Em um estudo multiestado, o aumento da eficácia da vacina aumentou em quase duas vezes em crianças de 6 meses a 8 anos de idade. O benefício foi maior entre os bebês que receberam a primeira vacina contra influenza e ainda era evidente nas temporadas de gripe subseqüentes. Outros estudos produziram resultados semelhantes.

Por causa disso, os Centros para Controle e Prevenção de Doenças recomendam que “crianças de 6 meses a 8 anos sendo vacinadas pela primeira vez, e aquelas que receberam apenas uma dose de vacina, devem receber duas doses de vacina nesta temporada”.

A gripe pandêmica, uma epidemia mundial causada por variações genéticas do vírus da gripe, é outra situação em que a dosagem de reforço pode valer a pena, já que nosso sistema imunológico não está preparado para montar uma resposta ao novo vírus. Mas as estratégias de vacinação são complexas e devem ser guiadas por agências governamentais de saúde. Tomar apenas duas doses da vacina atualmente disponível não será protetor.

Finalmente, os receptores de órgãos podem se beneficiar de doses de reforço, mostraram estudos. Infelizmente, o benefício não parece se estender a outros grupos que podem ter imunidade comprometida, como aqueles com doença inflamatória intestinal, leucemia, H.I.V. ou insuficiência renal.

Enquanto homens e mulheres com 65 anos ou mais também correm alto risco de complicações da gripe, o estímulo não parece trazer benefícios a essa faixa etária. Em dois estudos de pacientes que estavam em seus 70 anos, a segunda dose da vacina não conseguiu aumentar os níveis de anticorpos contra a gripe. Homens e mulheres mais velhos podem, no entanto, obter proteção extra contra uma dose única de vacina contra a gripe em altas doses.

Fora desses grupos nos quais a segurança e a eficácia foram comprovadas, não se deve tomar uma dose de reforço da vacina contra a gripe com base na teoria de que ela seria, na pior das hipóteses, inofensiva. As doses de reforço estão associadas a um risco aumentado de reações adversas, incluindo febre, erupção cutânea, falta de ar ou dor no local da injeção.

© 2018 - Prometheus Centro de Imunização e Infusão
Horário de Funcionamento:
Seg. - Sex. das 8h00 às 17h00
Sábados das 8h00 às 14h00
Tel.: (11) 5081.4936 / 5082.3913
WhatsApp: (11) 94086.1112